Vereador Adailton Francisco apoia Associações na elaboração de propostas para Editais do Governo do Estado


O Vereador Adailton Francisco realizou nesta sexta-feira (13), no espaço da Central das Associações da Agricultura Familiar de Valença (CAAF), a entrega das Manifestações de Interesse (MI) concluídas das oito comunidades de agricultores familiares e povos quilombolas, dos Editais do Bahia Produtiva 013/2018 e 011/2018, do Governo do Estado.

Por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) e da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), o Governador Rui Costa lançou no ultimo mês de fevereiro, Editais de chamadas públicas para atender ao público da Agricultura Familiar e Economia Solidária e Comunidades Quilombolas de todo Estado, onde foram disponibilizados R$20.000.000,00 e R$9.000.000,00 respectivamente.

Para as Organizações Produtivas da Agricultura Familiar e Economia Solidária, o Edital 013/2018 foi lançado com o objetivo de fortalecer a capacidade de participação em mercados, contribuir para a ampliação e qualificação das estratégias de comercialização e de apoiar a estruturação, funcionamento e gestão, contribuindo consequentemente para a ampliação dos resultados econômicos dessas Organizações, repercutindo no fortalecimento institucional e promovendo sustentabilidade econômica e retorno financeiro para os seus integrantes.

Já para as Comunidades Remanescentes de Quilombos, os Subprojetos Socioambientais do Edital 011/2018 consistem em ações articuladas que visam promover a melhoria do manejo dos recursos naturais em áreas de produção agrícola ou pecuária, bem como a recuperação de áreas degradadas, o estímulo à inovação de outras formas de produção e beneficiamento em bases agroecológicas, além de apoiar ações de comércio justo e solidário e a garantia da segurança alimentar e nutricional das comunidades beneficiadas.

O Vereador Adailton organizou uma frente de trabalho composta por técnicos, para a construção das propostas e auxílio às comunidades que buscaram apoio junto ao Mandato da Gente, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Valença e CAAF.

Segundo o Edil que também é Engenheiro Agrônomo e tem maior parte do seu tempo e trabalho voltados para o apoio aos Movimentos Sociais, é de extrema importância o incentivo dessas comunidades à participação de Editais que o Governo disponibiliza, com o objetivo de apoiar os agricultores, valorizando seu trabalho e seu produto final.

O Mandato da Gente entende como estratégico, continuar auxiliando as Associações na elaboração de propostas para participação dos Editais disponibilizados pelo Governo do Estado, a exemplo dos Editais anteriores do Bahia Produtiva, que os Projetos já estão em execução, o que motivou outras Associações a procurar o nosso Mandato e escrever suas Manifestações de Interesse”, explanou Adailton, que se mostrou emocionado ao concluir as propostas e entregar às respectivas comunidades.

Segundo o Vereador, esta ação do Governo do Estado em disponibilizar recursos públicos para as Organizações através de Editais é estratégica no fortalecimento da Agricultura Familiar e Comunidades Tradicionais, visando a inclusão e empoderamento das mulheres e jovens, além de proporcionar a geração de renda e a melhoria da qualidade das famílias beneficiadas.

Vereador Adailton Francisco participa de criação da COOPERSUL


A fim de unir ideias, trabalho e forças para o bem comum dos Agricultores Familiares do Território, o Vereador Adailton Francisco participou no último sábado (07), da fundação da Cooperativa da Agricultura Familiar do Baixo Sul (COOPERSUL).

O evento aconteceu no auditório da CDL em Valença, e reuniu agricultores familiares de diversos municípios da região, além de autoridades locais e lideranças comunitárias.

A COOPERSUL é resultado de uma parceria que envolve a Central das Associações da Agricultura Familiar (CAAF), a Federação das Associações do Jequiriçá, o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Valença (STTR), a Unisol Brasil e o Mandato da Gente.

Segundo o Vereador Adailton, é de extrema importância a sua participação nesses momentos que são enriquecedores para o homem e a mulher do campo.

Pra mim é uma satisfação enorme participar de um momento histórico como esse, que é a criação de instrumento que visa auxiliar os agricultores na comercialização dos seus produtos, agregando valor à sua produção e tendo um preço justo pelo esforço do seu trabalho”, afirmou o Vereador.

Adailton ainda destacou a eleição da Presidente Jaíres Santana como uma “quebra de tabu”, por ser mulher, jovem e filha de agricultor de comunidade quilombola e reafirmou acreditar nas organizações populares, como ferramenta na garantia dos direitos e acesso às políticas públicas.