Vereador Adailton denuncia Prefeitura no MP por falta de pagamento dos transportes escolares


Na manhã desta terça-feira (13) o Vereador Adailton Francisco se reuniu mais uma vez com uma comissão representante dos motoristas do transporte municipal que atuam na área da educação, para discutir acerca da paralisação dos transportes escolares no município de Valença.

Além dos motoristas, estiveram presentes também o dono da Empresa Central Serv Construção, Locação & Serviços LTDA, André Pereira, o Vereador Bertolino de Jesus e a imprensa falada, representada por Isaías Nascto (Valença FM) e Nelânia Castro (Rio Una FM).

O Vereador manteve contato na última segunda-feira (12) com o Prefeito Ricardo Moura e o Secretário de Finanças Fidélis Negrão, para cobrar o pagamento dos motoristas referente aos meses de setembro e outubro, além da regularização dos serviços de transporte na zona rural.

Adailton informou aos presentes que também apresentou denúncias na 3ª Promotoria de Justiça de Valença sobre a falta de pagamento dos transportes escolares e a suspensão de aulas na zona rural.

André, proprietário da empresa licitada pela Prefeitura para prestação de serviços, afirmou que “existe uma irregularidade nos pagamentos da Prefeitura para com a empresa“.

Eu tenho feito o máximo que eu posso para manter os pagamentos em dia, mas o lastro financeiro da empresa ficou insustentável. Eu dependo dessa regularização da Prefeitura, para manter meu compromisso com vocês“, afirmou André.

Já Adailton afirmou que continuará cobrando da Gestão Municipal, a regularização dos serviços, para garantir aos estudantes a presença em sala de aula.

Eu como Vereador, não posso ver uma situação dessa e ficar de braços cruzados. Fiz o que tinha que ser feito como Legislador. Cabe agora a Prefeitura e a Empresa entrarem num consenso. O que não pode continuar é essa contradição de informações entre empresa e Prefeitura, os motoristas continuarem sem receber e os estudantes correndo risco de perder de ano por ausência nas aulas“, finalizou o Edil.

Como encaminhamento, o proprietário da empresa assumiu o compromisso de regularizar parte do pagamento até o próximo dia 20 de novembro e em concordância com os motoristas, retornar às atividades de forma imediata, com indicativo de uma nova reunião ser realizada dia 21 de novembro com a presença do Prefeito, caso o pagamento não seja efetivado.

Veja informações da primeira reunião realizada com a comissão representante dos motoristas da educação na última segunda-feira, na Câmara de Vereadores, no site Livre Notícias.

“Morre” Sonho do Polo Industrial em Valença


Há exatamente dois anos – dia 07 de novembro de 2016 – estava sendo aprovado na Câmara de Vereadores de Valença, o projeto de expansão urbana,  de iniciativa do Poder Executivo, para construção do Polo Industrial de Valença, mas o que parecia ser um sonho de muitos comerciantes e da própria população que anseiam pela geração de emprego e renda, não tem mais perspectiva de sair do papel, é o que afirma Ademir Costa, empresário do ramo de informática há mais de 20 anos e ex-Secretário de Indústria e Comércio responsável pelo projeto do Polo Industrial para o município.

O Vereador Adailton Francisco procurou o senhor Ademir para conhecer melhor as motivações da desistência de alguns empresários em investir no município. Ademir fez um breve histórico de como tudo começou, desde as primeiras idealizações, relatos das dificuldades enfrentadas pelos comerciantes e pela Secretaria na época, até o fim do projeto, que não se concretizou segundo ele, por “falta de vontade” da atual gestão.

A princípio, a ideia de construção de um Polo Industrial começou em uma reunião da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB) em 2014, onde Ademir estava presente e foi questionado pelo então Vice-Presidente da Federação Edison Nogueira, acerca das indústrias que Valença possuía e os fatores que levavam o município a “não aparecer” no mapa industrial do Estado.

Depois de um estudo aprofundado sobre o setor, Ademir realizou uma pesquisa de CNAEs na Secretaria da Fazenda e para surpresa, conseguiu identificar 300 indústrias abertas em 2014, em pleno funcionamento no município. Então surgiu a ideia de organizar essas indústrias em um espaço que segundo ele, eliminaria os tipos de poluição existentes hoje na cidade ocasionados por essas indústrias, não traria prejuízos ambientais e possibilitaria a expansão das indústrias e de suas atividades, além de ocupar um espaço até então ocioso, em um local de grande visibilidade.

Mesmo com a realidade do crescimento da taxa de desemprego em Valença, só no ano de 2014, 450 vagas ficaram ociosas em várias indústrias por falta de mão de obra qualificada. Com isso, o então Vice-Presidente da FIEB e Secretário de Indústria e Comércio acreditavam na viabilidade da implantação do Polo Industrial e como consequência, a instalação do SENAI no município, para a qualificação da mão de obra que seria utilizada no Polo.

Em dois anos, muitas ações foram realizadas por Ademir e pelos empresários,80 investidores chegaram a assinar o termo de intensão, interessados em adquirir um dos 49 lotes no terreno de 32 hectares, localizado próximo a ponte do rio Patipe. O objetivo era fazer um “corredor econômico” entre Valença e Guaibim. Na época, a Secretaria de Meio Ambiente de Valença emitiu um parecer possibilitando a construção do polo nessa área escolhida, desde que atendesse as leis que regulamentam esses processos.

A avaliação da área disponível foi criteriosa, mas parecia que naquele momento, tudo estava a favor dos comerciantes que pretendiam investir na área. O terreno apresentava proximidade de pontos de transporte público, da Estação de tratamento de água, do Módulo Policial e de duas torres de energia, além de ser um terreno plano e estar localizado em uma rota onde passam um milhão de pessoas em média, por ano, para Atracadouro e Guaibim. O projeto ainda contemplava lojas de Showroom na frente da área industrial, para atender atacado e varejo, com vitrines para exposição.

Agora com o projeto pronto, cedido em 2015 pela União dos Prefeitos da Bahia (UPB), com o comprometimento dos empresários em depositar na conta do município R$1.300.000,00 para o pagamento do valor do terreno e do projeto elétrico, com as liberações da SUDIC e do INEMA, a classe empresarial enfrentava um novo desafio: uma nova gestão pública.

Ao deixar o cargo de Secretário de Indústria e Comércio em 2016, Ademir juntamente com os empresários interessados no Polo, criaram uma empresa chamada de União Empresarial Valença. A empresa foi criada com o objetivo de executar o projeto do Polo, dessa vez de forma particular, já que o município tecnicamente não teria condições de doação do terreno. Então iniciaram o projeto do zero e encontraram mais um embargo, a necessidade do número do IPTU da referida área, que foi negado pela Receita Municipal, mesmo após a realização de quatro reuniões com o atual prefeito e o grupo de empresários.

O Polo Industrial, sonho de milhares de valencianos, geraria em média 1.000 empregos diretos, além dos indiretos e manter os empregos já existentes. Em sua fala, o empresário lamentou e disse que Valença perdeu todo esse processo, por não possuir a cultura do desenvolvimento em coletividade.

Isso fica claro para mim que Valença é uma cidade hostil aos investimentos. Isso não é de agora, da gestão de Ricardo. Isso é uma cultura de Valença. Eu já tive conhecimento de vários investimentos que viriam pra Valença e não vieram porque os prefeitos da época queriam receber propina para liberar o Alvará. Os empresários não farão isso. Eles já estão fazendo investimento, gerando emprego e renda e gerando impostos para o município.” Afirmou Ademir.

O empresário afirmou ainda que um município não cresce sem empresas e geração de emprego e renda e afirmou que não consegue ver um “norte” em Valença, observa que o município passa por um processo cultural antigo de não valorização do seu poder econômico e financeiro.

Em contrapartida, o atual Secretário de Industria e Comércio Paulo Martins, informou ao Vereador Adailton, que a atual Gestão viabilizou todo o processo para que a União Empresarial pudesse assumir o andamento do Empreendimento, conforme ofício encaminhado pelo Gestor e atual Secretário ao INEMA, que “outorgava à União Empresarial, a autonomia e independência, gerência e execução do Polo Industrial da cidade”. Este ofício foi protocolado em 02 de março de 2018.

Após ouvir as duas versões, o Vereador Adailton manteve contato com o Chefe da Receita Municipal, Beto Pinto, e foi informado que “o número do IPTU não foi disponibilizado para a União Empresarial devido a área estar localizada em um terreno que não foi contemplado no projeto de expansão urbana, aprovado na Câmara de Vereadores na gestão da ex-Prefeita Jucélia Nascimento”.

Na última terça-feira (06), o Vereador Adailton Francisco fez um pronunciamento na sessão da Câmara sobre a situação do Polo Industrial de Valença e suas perspectivas para o município.

Venho nessa tarde vereadores e vereadoras, trazer um assunto de grande relevância para nosso município. A possibilidade de geração de empregos em nossa cidade, que tem milhares de pessoas desempregadas e vejo com tristeza o desencontro de informações entre a gestão e os empresários interessados em ampliar suas empresas e aumentar o número de empregos em nossa cidade. Nessas conversas, observei algumas divergências de informações, por isso solicito uma Tribuna Livre, com a presença dos envolvidos no assunto para chegarmos a um entendimento e espero que tenhamos sucesso e que os empresários possam ter esse apoio do município, nós enquanto legisladores, vamos intermediar esse diálogo porque esse é um assunto muito importante para a população valenciana“, concluiu o Vereador.

Mandato da Gente realiza reunião de planejamento de ações para estradas vicinais


Na manhã desta segunda feira (13), o Mandato da Gente realizou uma reunião com a presença do Prefeito Ricardo Moura, dos Secretários Rafaelton Magalhães, Jean Macedo e Daniel Reis, Central das Associações da Agricultura Familiar (CAAF), Federação das Associações do Jequiriçá (FAAJ), Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Valença (STR) e representantes de diversas comunidades rurais do Município.

A reunião aconteceu na sede da CAAF e teve como pauta o Planejamento do município para a recuperação das estradas vicinais. Atualmente, Valença é compreendida por aproximadamente 3 mil Km de estradas rurais.

Rafaelton apresentou o planejamento solicitado pelo Vereador Adailton na última terça-feira (07). As comunidades presentes reivindicaram ainda a reforma de pontes das comunidades que estão comprometidas e que servem de acesso para milhares de pessoas diariamente.

Como encaminhamento, o Secretário de Estradas e Rodagem fará a complementação do planejamento com as novas demandas apresentadas e entregará cópias para os representantes das Associações e para o Vereador.

Para o Edil, a reunião foi um momento bastante proveitoso, tanto para fins de esclarecimento do Poder Executivo, quanto para oportunizar um maior contato da população com a Gestão Municipal, promovendo um Legislativo mais popular através de seu mandato.

Essa reunião superou as minhas expectativas. Isso é o reflexo do respeito que o nosso Mandato tem para com a Gestão Municipal e que é reciproco”, afirmou o Vereador.

Adailton Francisco se comprometeu em continuar cobrando do Poder Executivo todas as ações registradas na reunião e asseguradas pelo Prefeito e Secretário responsável.

Veja fotos da reunião a seguir.

(mais…)

Mandato Itinerante: Após denúncias, Vereador Adailton cumpre agendas em bairros e Secretaria; Situação financeira do município é alarmante


Na manhã desta terça-feira (07), o Mandato da Gente esteve cumprindo agendas no bairro do Novo Horizonte e na Secretaria de Finanças do município. Após receber denúncias da falta de medicamentos no Posto de Saúde do Bairro Novo Horizonte, o Vereador Adailton Francisco visitou a unidade e conversou com servidores e obteve a informação que ultimamente alguns Programas de fornecimentos de determinados medicamentos do Governo Federal vêm diminuindo, causando transtornos entre os pacientes. Segundo informações de funcionários, esses medicamentos estão sendo providenciados pela Secretaria de Saúde do Município.

O Vereador Adailton esteve também na Creche Municipal Maria Celeste Leite Silva Moura, onde atualmente existem 134 crianças matriculadas e uma lista de espera de aproximadamente 150 crianças. A unidade de ensino é formada por turmas de crianças entre 2 e 4 anos de idade.

Foi observado que nessa unidade educacional, a falta de mesas para professores, liquidificador industrial, materiais didáticos, ventiladores nas salas, lençóis, impressoras e armários têm sido um grande problema para o seu funcionamento, haja vista que a direção da creche já encaminhou ofícios para a Secretaria de Educação do município, informando sobre a situação.

Segundo Adailton, o que mais lhe chamou a atenção apesar dos problemas, são os cuidados que a equipe da creche possui com as crianças, algumas delas inclusive, autistas e que possuem uma atenção toda especial.

“Fico feliz em ver uma equipe tão dedicada, apesar dos problemas. Vejo que as professoras, servidores e a Direção são comprometidos e dedicados! Mesmo com todas as dificuldades apresentadas, as crianças são bem cuidadas e tem todo carinho que precisam para um bom desenvolvimento”, afirmou Adailton.

Na Secretaria de Finanças, o Mandato da Gente esteve reunido com o Secretário Fidelis Negrão para tratar de assuntos referentes a despesas e receitas do município. Na oportunidade, o Vereador questionou ao Secretario acerca do atraso no pagamento dos salários dos servidores municipais.

Fidélis informou que o município teve uma redução de 2 milhões de reais na arrecadação do mês de julho de 2018, comprometendo assim o pagamento da folha. Ainda segundo ele, até dia 10 de agosto de 2018, todos os servidores terão seus salários depositados em conta.

Por último, o Secretário de Finanças afirmou ainda que a folha do município com pessoal chegou a R$ 7,5 milhões e a um débito que ultrapassa R$ 12 milhões dentro desses últimos oito meses de governo. O Vereador Adailton afirmou estar seriamente preocupado com a situação.

“Essa situação de Valença é muito preocupante. Caso a gestão não tome providências urgentes, o município poderá entrar em um colapso financeiro até o final do ano e comprometer os compromissos com os fornecedores e pagamentos salários dos servidores”, disse Adailton.

Veja fotos das agendas a seguir.

(mais…)

Governo do Estado disponibiliza aproximadamente 1,3 mi para Agroindústrias de dendê; Adailton orienta os contemplados


Aconteceu na manhã desta sexta-feira (27), no sala de reunião do SETAF-Valença, mais uma reunião com representantes das comunidades de agricultores familiares produtores de dendê, contemplados no Edital 013/2018 do Bahia Produtiva, Programa da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).

A reunião, organizada pela Câmara Técnica do dendê do Território Baixo Sul, que tem como Coordenador o Eng. Agrônomo Adailton Francisco, foi realizada com o objetivo de ministrar orientações aos Presidentes das Associações das comunidades contempladas.

Adailton realizou ainda orientações sobre como utilizar a verba disponibilizada pelo Governo do estado, destinada para a aquisição dos equipamentos industriais das unidades de beneficiamento de dendê, além de explicar as alterações que ocorreram nesse Edital, em relação aos Editais dos anos anteriores.

As comunidades contempladas são das cidades de Valença (Região do Jequiriçá, comunidade da Cascalheira e Região do Orobó, comunidade do Paraná) e Taperoá (Comunidade do Lamego). Aproximadamente 1,3 milhão serão destinados para a execução dos projetos. Além dos representantes das comunidades contempladas, participaram também Gerval Teófilo, Coordenador do CODETER, João Nildo, Articulador do Território e Jaíres Santana, Presidente da COOPASUL.

Confira matérias relacionadas.

Vereador Adailton Francisco apoia Associações na elaboração de propostas para Editais do Governo do Estado.

Vereador Adailton Francisco entrega ambulância no povoado do Bonfim


Com o intuito de agradecer os cuidados com a saúde do povo baiano, o povoado do Bonfim, Distrito de Guerém, zona rural de Valença, realizou na tarde da última quinta-feira (12) uma recepção para o novo equipamento de saúde recebido pela comunidade.

A aquisição do equipamento é fruto de emenda parlamentar da Deputada Estadual Maria del Carmen, em atenção à solicitação do Vereador Adailton Francisco (PT), após ser demandado pela Associação de Moradores da Comunidade. Segundo dados demográficos, esse equipamento irá atender a uma comunidade com aproximadamente 700 habitantes, além dos estudantes e servidores das escolas municipais e estadual existentes no povoado.

De acordo com o Vereador Adailton, a entrega dessa ambulância à comunidade do Bonfim é resultado de um comprometimento do Prefeito Ricardo Moura com a Deputada em encaminhar o veículo para o povoado e servirá para incentivar o Poder Público municipal a olhar com mais atenção para a saúde da população rural, que encontra dificuldades no acesso a veículos emergenciais.

Meu objetivo é incentivar o Poder público a cuidar mais da saúde na zona rural. O meu sonho é ver cada comunidade com sua ambulância própria, gerida pela população em parceria com a Secretaria de Saúde do município. Dessa forma, vamos amenizar o sofrimento de quem mora nos locais mais distantes da sede e que às vezes precisa de um veículo emergencial e não encontra. Aproveito para agradecer a minha Deputada Maria del Carmen, por ser tão solícita e presente no Baixo Sul”, afirmou Adailton, que se mostrou feliz em poder participar do momento de alegria da comunidade.

Vereador Adailton Francisco participa da inauguração da 8ª Policlínica Regional em Valença


Na última sexta-feira (29), o Governador Rui Costa entregou a oitava Policlínica Regional do Governo do Estado da Bahia, na cidade de Valença, Baixo Sul baiano. O Equipamento conta com estruturas para atender mais de 340 mil habitantes dos 13 municípios do Território.

Além da inauguração, foram entregues micro-ônibus com ar-condicionado e Wi-Fi para o transporte dos pacientes dos municípios contemplados, ambulâncias, equipamentos odontológicos, viaturas e motocicletas para a 33ª Companhia de Polícia Independente da Polícia Militar (CIPM), e a inauguração do Centro Integrado de Comunicação (CICOM), da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

O governador iniciou a agenda participando de um Pool de Rádios, em programa jornalístico para todas as emissões da Região, em seguida realizou uma visita guiada pela nova unidade, fazendo transmissão em live pelas redes sociais, mostrando todos os espaços e equipamentos aos Deputados, Prefeitos, Vereadores e imprensa que acompanharam a visita.

Durante pronunciamento para a imprensa e público presente, Rui falou sobre o investimento de R$ 22,6 milhões, aplicados na construção da Policlínica e na implantação de equipamentos de última geração.

Estou investindo na atenção básica e no funcionamento dessas Policlínicas, por acreditar que a melhor política pública de saúde é a prevenção. O objetivo dessa parceria entre governo do Estado e municípios é facilitar o processo e o acesso ao diagnósticos, quanto mais cedo o cidadão tiver as informações, maior as possibilidades de resolução do seu problema de saúde.”, explicou Rui Costa.

O vereador Adailton Francisco demonstrou sua satisfação e alegria ao participar do momento histórico para Valença e toda região, que agora pode contar com um equipamento de saúde acessível e gratuito.

A minha felicidade em estar participando deste momento é indescritível! Desde que o Governador Rui Correria anunciou este projeto no início de seu governo, venho sonhando com esse dia. Cobrei na Câmara de Vereadores o envio do projeto pelo Poder Executivo, aderindo ao Consórcio na época, fiz a defesa da proposta e aprovamos por unanimidade, sendo Valença o primeiro município do território a ter a aprovação na Câmara de vereadores”, citou o Vereador.

Adailton acompanhou todo processo, desde o lançamento da pedra fundamental da Policlínica em abril de 2017. O edil ainda realizou diversas visitas para acompanhar o andamento da obra.

É uma sensação muito boa participar desse momento, saber que o sofrimento das pessoas irá diminuir, que vamos evitar a frequência de viagens as madrugadas para fazer exames em outras cidades. É maravilhoso saber que teremos acesso aos procedimentos oferecidos aqui. Com esse conforto, só tenho a agradecer a Deus e ao nosso governador Rui Costa. Vamos continuar lutando por uma saúde pública de qualidade em nosso município”, afirmou o Vereador.

Conheça um pouco mais sobre as Policlínicas Regionais

As Policlínicas Regionais fazem parte de um projeto de iniciativa do Governo da Bahia, através de Consórcios Interfederativos de Saúde, formados entre municípios e Estado nas Regiões de Saúde. O Decreto nº 7.508 de 2011 favorece a estruturação de uma rede de saúde regionalizada, colocando o Planejamento Regional Integrado como processo de contínua negociação entre gestores municipais de uma região.

Esta perspectiva converge permite o aumento da capacidade de atendimento e resolutividade na oferta de ações de média e alta complexidade. O desdobramento esperado desta iniciativa é o aprimoramento da atenção à saúde e a melhoria da qualificação no atendimento dos profissionais de saúde, e em última instância, subsidiar a tomada de decisão dos gestores para a melhoria da qualidade de vida e da população.

O atendimento na Policlínica seguirá agendamento, regulado pelos municípios consorciados, classificando-se como acesso de porta fechada. Deverão ser encaminhadas para a policlínica as situações que não necessitem de avaliação imediata do especialista, que não possam ser resolvidas na Atenção Básica e que não disponha de rede específica estruturada (CTA, UNACON/CACON, CER etc). É importante considerar que todo paciente encaminhado para a Policlínica deverá permanecer em acompanhamento com a Equipe de Atenção Básica.

Estão inclusos os serviços das unidades funcionais de atendimento ambulatorial, apoio ao diagnóstico de imagem e laboratorial, pequenos procedimentos/biópsias/pé diabético, apoio técnico, apoio administrativo e apoio logístico. A Policlínica Regional de Saúde está composta de diversas especialidades médicas para atendimento clínico: angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastroenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia, urologia, podendo ampliar para as clínicas médicas: dermatologia, hematologia, reumatologia, pneumologia, assim como, infectologia, nefrologia, bem como outras inclusões e substituições conforme perfil epidemiológico da região.

Os serviços de apoio diagnóstico da Policlínica são compostos por: ressonância magnética com e sem contraste, tomografia com e sem contraste, mamografia, ultrassonografia com doppler, ecocardiografia, ergometria, mapa, holter, eletroencefalograma, eletromiografia, radiografia, eletrocardiograma, endoscopia, colonoscopia, entre outros. Também realizará biópsias de mama, tireóide, próstata, dérmica, gastroenteral, entre outras, além de procedimentos como, vasectomia e pequenas cirurgias.

 

Comissão de Educação da Câmara de Vereadores realiza Audiência Pública em defesa dos Institutos Federais em Valença


Aconteceu na manhã deste quarta-feira (27), no Centro de Cultura Olívia Barradas, a Audiência Pública contra a unificação impositiva dos Institutos Federais em Valença, proposta pelo Ministério da Educação. A Audiência surgiu de uma sugestão feita em reunião do Núcleo Executivo do Território Baixo Sul no último dia 19 de junho à Comissão de Educação da Câmara de Vereadores de Valença.

A Comissão foi representada pelos Vereadores Lorena Mercês e Adailton Francisco, Presidente e Relator respectivamente, e contou com a presença de estudantes, pais, professores, Procuradores dos municípios de Valença e Cairú, vereadores e secretários municipais de Valença, Cairu e Taperoá, além de representantes da UNEGRO, MST, SINASEFE, SINDRACSE, UJS, ABES, UNEB, NTE-06, Levante Popular da Juventude, OPS, Núcleo Executivo do Território, CAAF, Assessores Parlamentares, Assessoria do Governador Rui Costa e imprensa local.

No pronunciamento da mesa, os Diretores e representantes dos servidores e estudantes dos IF’s, foram unanimes nos agradecimentos à comunidade, aos presentes e em especial à Câmara de Vereadores de Valença, representada pela Comissão de Educação, que abraçaram a causa e têm dado todo apoio ao Movimento que defende a permanência do IFBaiano e do IFBA na cidade de Valença.

Para o Vereador Adailton Francisco, não poderia haver alegria maior do que presenciar a casa cheia de pessoas dispostas a lutar pela permanência dos IF’s no município.

Estou muito satisfeito enquanto Vereador, em estar exercendo o meu papel de Legislador em prol de uma causa tão importante para a nossa região, que é a educação pública, gratuita e de qualidade e os Institutos Federais representam isso para nós. Quero agradecer a presença de todas as pessoas que disponibilizaram seu tempo para estar aqui participando dessa discussão, em especial a minha deputada Estadual Maria del Carmen que está sempre presente no Território e apoia esse movimento”, afirmou o Vereador que também destacou a presença do Deputado Estadual Hildécio Meireles e do Assessor Especial do Governador Rui Costa, Álvaro Gomes.

Adailton ainda destacou a importância do envolvimento da comunidade e dos Poderes Públicos, no apoio à defesa da manutenção dos Institutos Federais em Valença.

Quero lembrar ainda que essa causa não é só dos estudantes e servidores dos IF’s. Essa causa é nossa! É da comunidade, é dos pais que sonham em dar uma educação de qualidade aos seus filhos, é daqueles jovens que sonham em sair preparados do Ensino médio para entrar em uma Universidade Pública. Parabéns pela luta e pela resistência. O Mandato da Gente estará sempre à disposição para apoiar essa causa”, finalizou o Vereador.

Em seu pronunciamento, a Deputada Maria del Carmen agradeceu ao Vereador Adailton Francisco pela parceria com o seu mandato e disponibilizou seu gabinete para total apoio à causa dos Institutos Federais.

Este é mais um golpe de Temer, iniciado com o impeachment da presidenta Dilma Rousseff, e só evidencia o desmonte da nossa educação feito por este governo. Os trabalhadores e seus filhos e filhas têm direito ao estudo gratuito e de qualidade. Não podemos permitir que este governo destrua o que foi construído no Brasil durante a gestão de Lula e Dilma. Contem comigo, contem com nosso Gabinete. Estaremos sempre à disposição”, afirmou Maria.

Entre os encaminhamentos, surgiu a proposta de reunião com representantes do MEC, Audiência Pública na Assembleia Legislativa dia 03 de Julho, às 10h, entrega de um relatório completo sobre a Audiência Pública ao Governador Rui Costa no dia da inauguração da Policlínica Regional e a formalização de um documento cobrando um posicionamento de todos os Diretores dos Institutos Federais no Estado da Bahia, sobre a proposta de unificação dos IF’s.

Veja fotos do evento a seguir.

(mais…)

Obra tamanho G: Policlínica do Baixo Sul tem entrega prevista para 29 de Junho; Vereador Adailton completa sua décima visita nas obras


Na tarde desta sexta-feira (22), o Vereador Adailton Francisco e a Diretora de Projetos Estratégicos da Secretaria de Saúde da Bahia – SESAB, Jucélia Nascimento, realizaram uma visita às instalações da Policlínica Regional do Baixo Sul, obra do Governo do Estado, localizada no Bairro da Graça em Valença.

Na oportunidade, Adailton conversou com alguns operários e com o Engenheiro responsável pela obra, que afirmou que o cronograma de execução está seguindo conforme a programação estabelecida pelo Governador Rui Costa.

Estamos trabalhando até a noite e finais de semana, para garantir o cumprimento do prazo que foi estabelecido, para entrega da obra. Estamos felizes, porque os prazos estão sendo cumpridos, mesmo com períodos chuvosos que deixaram a equipe preocupada”, afirmou o Engenheiro.

Em sua décima visita, o Vereador Adailton disse estar satisfeito com o andamento das obras e, sobretudo, com o prazo cumprido no tempo estabelecido.

Foram diversas visitas realizadas nesta obra desde o anúncio de sua construção. Fico muito feliz com a preocupação que o Governador Rui Costa tem em melhorar a saúde do povo baiano. Sei do sofrimento dos moradores do Baixo Sul, em se deslocar nas madrugadas até Salvador, Itabuna, Santo Antônio de Jesus e Feira de Santana, para realizar exames de alta e média complexidade, mas agora podemos contar com um equipamento que é nosso”, afirmou o Vereador Adailton, ao destacar a sua satisfação em ter no município, equipamentos de ponta, que irão melhorar o acesso aos serviços de saúde pública.

A Diretora de Projetos Estratégicos Jucélia Nascimento, se mostrou encantada com o avanço na construção da Policlínica e afirmou que o andamento superou as suas expectativas.

Pra mim é uma felicidade muito grande ver que as obras estão bem adiantadas! Cheguei a pensar que não daria tempo, mas quando se fala em Rui Costa, se lembra de obras tamanho G! Estamos com uma equipe de gente arretada trabalhando nessa Policlínica e tenho certeza que o dia da entrega será emocionante. Essa Policlínica com certeza é a concretização de um sonho para o povo do Baixo Sul”, concluiu Jucélia.

Com inauguração prevista para o dia 29 de Junho de 2018, as obras e a instalação dos equipamentos já estão nos ajustes finais. Junto a Policlínica, o Governo do Estado entregará também nove micro-ônibus com ar condicionado e rede Wi-Fi, além da pavimentação asfáltica de acesso à Policlínica.

Com um investimento de R$ 21,2 milhões em obras e equipamentos, o governador Rui Costa autorizou no mês de abril de 2017, a construção da Policlínica Regional do Baixo Sul, em Valença. O Consórcio Público Federativo que vai administrar a unidade é formado por 13 municípios da região: Cairu, Camamu, Gandu, Igrapiúna, Ituberá, Nilo Peçanha, Nova Ibiá, Piraí do Norte, Taperoá, Teolândia, Valença, Wenceslau Guimarães e Presidente Tancredo Neves.

Segundo o Governador Rui Costa em sua fala no dia do lançamento da pedra fundamental, “Esse equipamento vai ser importante para fortalecer a prevenção da saúde.” Rui destacou ainda que “nos últimos dez anos, mil e setecentos postos de saúde foram construídos na Bahia, mas o povo não tinha onde fazer os exames solicitados nas consultas feitas nesses postos de saúde, agora terão as Policlínicas”.

Veja imagens da visita a seguir.

(mais…)

Vereador Adailton participa de Assembleia no IFBA; Mandato da Gente repudia ação do MEC sobre unificação dos Institutos Federais de Valença


O Vereador Adailton Francisco esteve na manhã desta quarta-feira (20), participando da Assembleia dos estudantes dos Institutos Federais Bahia e Baiano de Valença. O movimento, que reuniu estudantes, professores, servidores dos Institutos, vereadores e representantes da sociedade civil que aderiram ao movimento, teve por objetivo discutir sobre a proposta de unificação do IFBA e IFBaiano Campi Valença, imposta pelo MEC, além de organizar manifestos, movimentos e audiências públicas sobre o assunto.

Além do Vereador Adailton, estava presente na Assembleia também a Vereadora Lorena Mercês, ambos componentes da Comissão de Educação da Câmara de Vereadores de Valença. Adailton, que é defensor da educação, se comprometeu em abraçar a causa dos Institutos Federais de Valença.

Fui aluno da EMARC e pude acompanhar todo processo de transição EMARC-IFBAIANO de perto. O que estiver ao meu alcance, eu farei. Não devemos aceitar que um Instituto Federal seja fechado com uma ordem impositiva de um governo ilegítimo como esse que temos no Brasil hoje”, afirmou o Vereador.

Ainda durante a Assembleia, foi colocada em votação a participação dos estudantes e servidores na Audiência Pública proposta pela Comissão de Educação da Câmara, que será realizada dia 27 de junho, às 8h da manhã, no Ginásio de esportes do IFBA.

Na última terça-feira (19) pela manhã, estudantes e servidores dos Institutos Federais de Valença estiveram presentes na Reunião do Núcleo Executivo do Território Baixo Sul, que pautou o assunto. Como encaminhamento, foi sugerida a realização de uma Audiência Pública, através da Câmara de Vereadores de Valença, envolvendo representantes de todo Território.

Pela tarde, a Câmara de Vereadores aprovou por unanimidade uma Moção de Repúdio pela ação impositiva do MEC, propondo a unificação dos Institutos Federais de Valença. Os estudantes e servidores também estiveram presentes, onde realizaram breves falas sobre a importância dos Institutos para o Baixo Sul, bem como a criminalização da restrição de acesso à educação.

IFBaiano

O Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia Baiano Campus Valença, tem curso técnico integrado em Agropecuária e em Agroecologia, curso técnico subsequente em Agropecuária e em Meio Ambiente, além de dois cursos de pós-graduação, um em Português e outro em Matemática. “Temos também um curso de pós-graduação que vai abrir em Agroecologia e Meio Ambiente no segundo semestre”, explicou o professor Eduardo Belmonte, do IF Baiano. O instituto também tem 40 projetos de pesquisa e 15 de extensão com editais. Com 38 anos de existência, a estrutura física do Instituto abrigou de 1980 até 2010 a Escola Média Agropecuária Regional da CEPLAC – EMARC.

IFBA

O Instituto Federal da Bahia Campus Valença abriga o curso integrado (Médio-Técnico) de Aquicultura, de Turismo e de Informática e cursos subsequentes nas mesmas áreas. Além disso, abriga dois cursos de licenciatura: de Matemática e de Computação. De acordo com Erahsto Felício, professor e um dos 130 servidores do IFBA Campus Valença, o Instituto é um lugar de muita resistência e de forte atuação educacional. “Além dos cursos, temos três projetos de especialização encaminhados para o Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão e laboratórios para pesquisa e tecnológico”, explicou. Antes de se tornar Instituto Federal, a Estrutura da escola abrigou a primeira e única Escola de Pesca e Construção Naval do Bairro do Tento, posteriormente o Centro Federal de Formação Tecnológica (CEFET).

Veja imagens da Assembleia a seguir.

(mais…)